Visualizações

domingo, 13 de outubro de 2013

JOANINHA

Eu e a joaninha
Somos tão diferentes e tão parecidinhas...

Ela tem grandes asas e sabe bem por onde voar
As minhas são frágeis e facilmente podem se quebrar
Ela adora vestido de bolinhas
Eu já não
Acho que bolinhas parece bola em qualquer ocasião
Ela nunca muda a refeição
(Mosca, pulgão)
Eu vario bastante
Poesia, alegria, informação

Ela é bem mais antenada que eu
Não deixa nenhuma ameaça chegar perto dela
Já eu, acredito em proteção além da razão
Deixo abertas, sem sinal de alerta,
As portas e janelas do meu coração.

(JOANA TIEMANN)


5 comentários:

  1. Bién Joana; por tu blogs y tu poesía, es estupenda
    y bonita. Encantado de conocerte, es un placer.
    ¡Te felicito! Todo me afecto
    Ángel-Isidro.

    ResponderExcluir